A ONU puxa as orelhas ao governo português

ONU aconselha renegociarPassos e Gaspar dirão deste português, economista na ONU, que coordena uma equipa de sete economistas do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento e realizou um estudo sobre Portugal e os países da Europa do Sul, que é um radical de esquerda ou qualquer coisa assim.

Na entrevista que deu à TSF, da qual  a RTP passou alguns excertos, Artur Baptista da Silva foi claro nas palavras sobre o diagnóstico do nosso País.  Não expôs meras opiniões ou previsões à Vítor Gaspar mas sim  dados concretos, resultantes do trabalho que está a desenvolver no âmbito da ONU. Eis algumas conclusões:

- uma fatia de 41% da dívida soberana portuguesa que foi contraída apenas para que o País, desde 1986, pudesse beneficiar dos fundos estruturais da União Europeia;

- perante os efeitos do programa de ajustamento [imposto pela troika], Portugal tem todo o direito a exigir uma renegociação do memorando de entendimento [uma vez que não produziu os resultados previstos];

os juros que Portugal vai pagar pelos 78 mil milhões de euros do resgate são incomportáveis. [Trata-se de] «agiotagem»;

- a receita da troika, aplicada a Portugal é irracional e os “resultados” são “assustadores”;

- o estudo  encontrou decisões políticas  duvidosas, de que são exemplo os benefícios fiscais concedidos a empresas sediadas na zona franca da Madeira;

- o governo português rejeitou um plano para compra de dívida soberana portuguesa dentro da área da lusofonia, em condições mais suaves do que as exigidas pela Troika;

- esse plano teve o patrocínio do secretário-geral das Nações Unidas, chegou a ter “luz verde” do governo brasileiro, mas acabou rejeitado por «teimosia ideológica».

Das duas uma: ou este estudo da ONU é credível e não pode ser ignorado ou a ONU anda a contratar um bando de incompetentes e o governo não pode ficar calado. Assobiar para o lado é que não!

Espera-se que  jornalistas e economistas tirem  a limpo estes dados. E, já agora, o Presidente conhece este estudo? E não diz nada?

Ver também aqui

About these ads
Esta entrada foi publicada em Governo, Política, Sociedade com as etiquetas , . ligação permanente.

4 respostas a A ONU puxa as orelhas ao governo português

  1. O homem pode ser um impostor mas a sua visão do País parece mais realista do que a de quem nos governa…Isso é que é irónico! Vou aguardar para saber quem é a criatura..:-)

  2. José Antunes diz:

    Até você caiu nesta Estrela Serrano? (este post vai directamente para o lixo, dado que o estudo não existe, como não existe o grupo que o conduziu)

  3. E Vítor Gaspar, alguém conhecia? E no entanto…é o verdadeiro primeiro-ministro de Portugal sem ninguém o ter eleito…

  4. Jesus Cristo Superstar diz:

    Como é que é possível a todos os meios de comunicação social darem crédito a um homem que ninguém conhece na ONU. Onde está o rigor da notícia? Ninguém investiga quem entrevista? Afinal criticar o Governo é bem fácil …. a avaliar pela ignorância!

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s