Concorrência desleal

Jornalistas treinam advogados, juristas e administradores de empresas  para saberem falar… com eles!

jornalistas fazem media training

O anúncio vem no Diário Económico. Os nomes dos “treinadores” parecem estar ali por  maldade …talvez para depois da “formação”  se poder apreciar se os “alunos” tiveram aproveitamento,  quando algum dos “professores”  entrevistar um dos seus “alunos”… na rádio, na televisão ou nos jornais…onde trabalham os próprios “professores”.

E como há um número elevado de advogados e juristas que são também deputados, ainda veremos algum formando-advogado-deputado a ser entrevistado pelo seu formador-jornalista.

Para quem  tanto critica as agências de comunicação e os assessores de imagem,  eles sim vocacionados e preparados para fazerem media-training não deixa de ser irónico. Mas é mais grave que isso: é o esbater de fronteiras entre campos da comunicação com códigos deontológicos e éticos  distintos.

E mais irónico é ainda que se critiquem jornalistas que “se passam” para assessores do governo (como foi o caso da debandada de jornalistas do DN para assessores do governo)  e se aceite que  jornalistas ensinem elites profissionais a comunicarem com os próprios e com os seus pares. E porque não admitir também políticos na “formação”?

Já agora uma sugestão para o anúncio ser mais atractivo:   “Aprenda com  jornalistas a falar com eles?”

Comentário do director do Diário Económico a este post e a minha resposta, via Facebook (publicado com autorização do próprio):

  • Hoje
  • António Costa

    Cara Estela, mais uma vez, aqui estou para esclarecer o seu comentário. E está livre de usar esta resposta como bem entender. Fui convidado, e aceitei, falar sobre o jornalismo online, as suas características, etc. Nao fui convidado para dar media training nem é isso que vou fazer. Seria, tem razão, uma intolerável violação do código profissional. É uma acção promovida por uma instituição credível e rigorosa. Creio ter ficado esclarecida com a natureza da acção em que aceitei participar. E, se tiver dúvidas, não hesite em contactar-me, desejavelmente antes antes de publicar comentários sem o necessário contraditório.
    Melhores cumprimentos

  • Estrela Serrano

    Olá, António, obrigada pela sua resposta mas o que eu comentei foi o conteúdo do anúncio que foi publicado e que é muito claro: “media training”. O contraditório ou desmentido (a existirem), deverão ser feitos em relação ao anúncio e não ao meu comentário.
    Abç.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Comunicação e Política, Jornalismo, Sociologia dos Média. ligação permanente.

Uma resposta a Concorrência desleal

  1. EGR diz:

    Peço-lhe desculpa mas a unica coisa que me apetece dizer é que esta gente perdeu completamente a vergonha e parecem tomados por uma especie de embriaguez.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s