Ir a Évora

antonio_Costa2Interrogam-se alguns sobre os efeitos políticos de uma visita de António Costa  a José Sócrates na cadeia de Évora. Como se Sócrates pelo facto de estar detido, preventivamente diga-se, deixasse de ser quem é. Como se quem o visita esquecesse tudo o que ele representa para si (e por isso o visita) pelo facto de ser suspeito de ter feito algo que a lei tipifica como crime.

Quem deixa de visitar um amigo que está preso, das duas uma: ou nunca foi amigo e por isso não sabe o que isso é, ou é um cobarde e um oportunista, alguém que tem medo da própria sombra.  Visitas de gente dessa nenhum preso, suspeito ou condenado, merece. É que há presos que apesar de presos mantêm intacta a sua dignidade. E há quem estando fisicamente livre é prisioneiro da sua própria mediocridade.

Depreende-se então que os muitos artigos  escritos e debates havidos sobre as consequências (negativas) para  o PS e para António Costa de uma visita deste a José Sócrates se inspiram no princípio da contaminação metonímica, isto é, partem do pressuposto de que  a imagem da cadeia e a figura (ainda que fisicamente invisível) do detido 44 -José Sócrates – podem “contaminar” António Costa e o PS.

É bem verdade, como diz o povo, que “o bom julgador por si se julga”. O calculismo implícito nas conjecturas daqueles que antecipam consequências negativas, leia-se prejuízo eleitoral e político, para um líder e para um partido, de um gesto que revela nobreza de carácter é bem um sinal da hipocrisia e do calculismo que inspiram a maior parte do comentário político  que invade os nossos media.

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Comunicação e Política, Política com as etiquetas , , , . ligação permanente.

6 respostas a Ir a Évora

  1. jorge diz:

    Este Manuel Franco não tem nada a ver com a família do Franco espanhol, pois não? Óh Manel Franco, vai à merda seu estupor.FP.

  2. Manuel Franco diz:

    O filho (s) ainda não pode visitar o pai ? Mas porquê ?
    Mas toda a cadela e gata tem ido visitar o 44! , até fora de horas! .
    Eu até estou admirado como é que alguns não ficaram lá . Não é que não mereçam, aqueles que eu conheço , ainda acho que uma troca ou outra não se perdia nada
    . .Pois é… não pode ser….. alguns já passou muito tempo .
    Realmente devo estar a ficar velho .

  3. J. Madeira diz:

    Quero acreditar que António Costa ainda não foi a Évora visitar José Sócrates porque,
    tem uma agenda muito preenchida seja na CMLisboa, seja no PS! E, três horas podem
    fazer diferênça não me parece haver qualquer tipo de calculismo!
    Dada a grande coincidência da detenção ocorrer justamente, sobre o Congresso do PS
    pois, já havia sido programada anteriormente não foi efectivada por causa das Europeias!
    Quanto à treta dos comentadores e analistas sobre o prejuízo de estar ou não com o de-
    tido, já não cola assim como, a lenga-lenga da bancarrota isto, apesar da continuada cam-
    panha difamatória de certos pasquins o Povo aprendeu com o sofrimento!
    Se a Justiça estiver a funcionar mal os politícos não se podem por de fora, são eles que
    “fabricam” as Leis que criam as situações de dar mais poder aos procuradores que so-
    nham com estes casos que, apesar de detido há mais de um mês ainda não está acusa-
    do … e, não pode dar entrevistas para dizer o seu ponto de vista!!!

  4. Isso e muito triste de estar na cadeia.sem ver o filho de natal e muito triste.. espero vai o melhor desta o verdadadeiro de ex presidente vai continuar de ps e nossa de futuro obrigado por todos em nosso de futuro deste 2015 e bom natal

  5. José Sócrates foi colocado numa armadilha diabólica. Porque lhe é permitido defender-se num processo, no qual ainda não está acusado formalmente de nada e lhe é vedada a defesa no espaço público, onde é acusado de tudo. Marco Perestrello/DN. Até agora, tudo indica que os “milhões de Sócrates” não passam de ficção resultante de excesso de imaginação policial. Mas os enormes danos materiais e morais causados pelo abuso de poder do Ministério Público bem podem no final proporcionar-lhe uns milhões de indemnização do Estado!
    ” Se Sócrates não fosse quem é,não estaria preso!”
    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2014/07/a-maior-cabala-e-mentira-depois-de-74.html

  6. EGR diz:

    Tem inteira razão no que escreve. E quero deixar aqui expressa a náusea que me provoca o “acampamento” montado pelas estações de televisão a porta da prisão e as estúpidas perguntas que os “acampados” dirigem aos visitantes.
    E quando verifico que entre as ditas estações se encontra a RTP, ou seja, a televisão publica a náusea ainda se agrava.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s