A alternativa existe e deu-se a ver

economistas-e82a PSO PS inaugurou hoje um novo método de abordar as promessas eleitorais que geralmente são apresentadas sem enquadramento e sem quantificação, muito menos baseadas num  estudo aprofundado realizado por especialistas de várias orientações ideológicas. Depois de meses a resistir às críticas vindas da dreita e da esquerda, António Costa e o grupo de economistas que convidou para concretizarem as suas propostas, mostraram que, como ele sempre disse, há alternativa às políticas do governo PSD/CDS.

Mas não foi apenas no método que o PS inovou. Foi também na forma como organizou a divulgação do estudo, deixando ao coordenador – um economista independente e credenciado – a sua apresentação, seguindo um modelo académico que aliou profundidade e rigor a simplicidade e transparência.

António Costa mostrou a sua experiência e intuição política ancorando as opções de um futuro governo socialista não num conjunto de promessas vagas, como tem sido hábito da parte de todos os partidos, mas num estudo substantivo, credível e fundamentado .

O PSD reagiu nervosamente através de um dos seus dirigentes habitualmente mais contidos, Matos Correia, que poucos minutos depois de conhecido o estudo do PS correu a falar às televisões numa linguagem meio desconchavada cheia dos chavões que o PSD usa para falar dos governos sociaistas anteriores, como se estivesse  ainda em 2011.

Matos Correia foi o spin doctor de serviço por parte do PSD, apressado em marcar o tom do discurso para que a direita seguisse o tom e o enfoque – despesismo, regresso da troika, e outras frase ocas e desadequadas.

A discussão das propostas contidas no estudo do PS deve naturalmente ser feita e seria um bom serviço prestado ao esclarecimento dos cidadãos se as televisões organizassem desde já debates entre os autores do estudo, outros economistas, jornalistas e políticos capazes de irem além das banalidades ditas hoje nas reacções do PSD e do CDS.

E seria igualmente util que os partidos parlamentares e outros que se apresentem a eleições pudessem também apresentar as suas propostas com igual grau de detalhe, transparência e rigor.

Os debates de “galos” que tanto entusiasmam as televisões são infinitamente menos esclarecedores do que aqueles que poderiam resultar do confronto de propostas concretas em torno de documentos substantivos como o que hoje foi apresentado pelo PS.

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , . ligação permanente.

4 respostas a A alternativa existe e deu-se a ver

  1. Pingback: Um momento de viragem na política | VAI E VEM

  2. “armadilhado” já ele está….

  3. cristof9 diz:

    Percebendo-se que talvez tenha que ser não deixa de inquietar que se alivie os pensionistas hoje a custa. dos futuros. No fim um dos piores registos e mentiras do socrates e seus muchachos que ainda hoje arrepia como foi possivel os eleitores votarem.

  4. A alternativa existe. Convém não esquecer que o “terreno fica armadilhado” para o próximo governo !

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s