António Costa e os comentadores da direita

Costa e GréciaAnda por aí uma ideia muito popular no governo e nos comentadores de direita que procura extrair consequências eleitorais negativas para António Costa e para o PS  de um eventual Grexit (saída da Grécia do euro e/ou da UE). Dizem eles que Costa e muitos socialistas se regozijaram com a vitória do Syriza e, por isso, serão penalizados se as negociações para o desloqueamento da ajuda financeira à Grécia falharem.  Sem argumentos substantivos contra Costa e o PS, tudo serve à diretta para os atacar  até a simpatia de muitos socialistas pelo Syriza.

Ora, o regozijo com a vitória do Syriza não foi mais do que a expressão de um sentimento partilhado com milhares de portugueses e de europeus solidários com o povo grego que em eleições livres escolheu um partido que lhe prometeu alterar as políticas que levaram a Grécia à situação em que se encontra, recusando ao mesmo tempo as receitas ditadas pela troika que conduziram Portugal, a uma dolorosa austeridade que aumentou a pobreza e o desemprego sem resolver, antes agravar, o problema da dívida. Os portuguess não estão esquecidos e não são as mentiras do primeiro-ministro, a que ele agora chama  “mito urbano” sem saber bem o significado do conceito, a iludirem o fracasso da receita.

Ao contrário do que dizem o governo e os comentadores da direita, António Costa nunca mostrou qualquer alinhamento político do PS com o Syrisa, o que não o impediu nem pode impedir de mostrar simpatia e solidariedade com o governo grego.

Veremos se os burocratas europeus têm coragem e legitimidade para empurrarem a Grécia para fora da União Europeia e do euro. Embora a União seja cada vez mais uma desunião do que uma União, ainda não se vê o caminho da mudança.

Veremos também o que dirão os fanáticos das “regras”, entre os quais o governo português, se for encontrada uma solução que permita à Grécia seguir o seu caminho na UE e no euro, sem ser obrigada a esmagar ainda mais o seu povo.

 

 

 

 

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Uncategorized com as etiquetas , , , . ligação permanente.

4 respostas a António Costa e os comentadores da direita

  1. j.azevedo diz:

    hy,se o povo elege os pulhas que conhecemos, por muito menos elege burocratas!

  2. j.azevedo diz:

    estas negociaçoes tem trazido milhoes aos seus intervenientes.eles a jogar na bolsa e a provocar o sobe e desce,têm levado a este prolongar das negociaçoes.a direita não tem pudor!

  3. É verdade mas é discutível que quem os elegeu, em cada país, lhes tenha dado mandato para expulsarem a Grécia (ou qualquer outro país, incluindo Portugal)

  4. HY diz:

    Só uma nota: se alguém empurrar a Grécia para fora do euro, não serão burocratas. Serão mesmo governantes eleitos, políticos. É bom perceber a diferença…em todos os sentidos.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s