Marcelo candidato, prisioneiro de Marcelo comentador

Foto: Tiago Miranda

Foto: Tiago Miranda


O frente-a-frente entre Marcelo Rebelo de Sousa e Sampaio da Nóvoa, emitido esta noite no canal aberto da SIC, revelou que Marcelo alterou a estratégia que tinha seguido até aqui, isto é, não entrar em disputas, sorrir e abanar a cabeça enquanto o parceiro de debate falava, não abrir o jogo em questões mais problemáticas, enfim, “fazer-se de morto”, expressão, aliás, que ele gostava de usar nos seus comentários políticos quando se referia a alguns dos líderes políticos.

Hoje, Marcelo passou ao ataque mas a coisa saíu-lhe mal porque Sampaio da Nóvoa, mantendo um registo sereno e cordato, confrontou-o diversas vezes com contradições entre declarações feitas  enquanto comentador e declarações feitas agora, durante a campanha eleitoral, dizendo-lhe que  “tem 20 declarações de Marcelo a dizer uma coisa e 20 a dizer o contrário”. A mais flagrante  foi a respeitante ao serviço nacional de saúde, mas também em relação ao sistema financeiro ou ao apoio de Marcelo ao governo anterior, Nóvoa conseguiu colocar Marcelo à defesa.

Marcelo reagiu irritado e atirou à cara de Nóvoa o facto de ele, Marcelo, “ter ido a todas enquanto Nóvoa primava pela ausência – “Onde é que o sr. esteve nos últimos 20 anos?”, perguntou Marcelo, referindo-se ao que chamou o “passado vazio” de Nóvoa, acusando-o de não ter tomado posições no passado e tentando “encostá-lo” ao MRPP e ao Livre.

É interessante verificar que a visibilidade televisiva de Marcelo, uma das suas mais-valias relativamente aos seus mais directos concorrentes, em particular a Sampaio da Nóvoa, constitui também o seu maior handicap. É que com audiências de milhões como tinha na TVI, muito do que Marcelo dizia era largamente comentado noutros media, em blogs e nas redes sociais. E por isso é fácil encontrar contradições entre o que dizia há anos e o que diz hoje. (Este blog é um modesto exemplo disso com dezenas de posts publicados sobre declarações de Marcelo na televisão).

Curioso e paradoxal é também perceber como apesar da sua presença constante nos media, pouco sabemos do pensamento de Marcelo acerca de questões concretas sobre o País. Ouvíamos as suas “lições” dominicais na TVI, e antes na RTP, em que ele analisava os diversos ângulos e enfoques da actualidade, raramente se posicionando abertamente ou, quando o fazia, logo encontrando maneira de “equilibrar” uma opinião negativa com outra positiva, assim passando entre os pingos da chuva. Foi essa estratégia que tinha sucesso sem contraditório que Marcelo trouxe agora para os debates. Porém, bastou ser confrontado com a necessidade de clarificar finalmente o seu pensamento para que a sua capacidade de dissimulação e de fuga ao compromisso viessem à superfície.

Alguma direita já começou a descolar de Marcelo, percebendo que  votar nele é uma incógnita porque ninguém verdadeiramente sabe se o que Marcelo diz hoje tem alguma importância para o que virá a fazer no futuro, tendo em conta que sobre tanta coisa já disse uma coisa e o seu contrário.

Esta entrada foi publicada em Comunicação e Política, Presidenciais, Presidente da República com as etiquetas . ligação permanente.

6 respostas a Marcelo candidato, prisioneiro de Marcelo comentador

  1. João Carvalho diz:

    No debate contra Marcelo, Sampaio da Nóvoa repetiu, por diversas vezes, que tinha participado, ao longo de quarenta anos, em movimentos civis, sem ter identificado um só. Porque será? Do mesmo modo que recusa o apoio expresso do MRPP e do LIVRE, também pretende que não se saiba a sua ligação à LUAR, pelo menos até 75?
    Na verdade, são todos gatos que pretendem esconder o próprio rabo.

  2. MANUEL diz:

    SE MARCELO GANHAR A ESQUERDA TEM PERNA CURTA, COMO DIZ O DEPUTADO DO CDS NUNO MAGALHÃES…NÓS ESTAREMOS SEMPRE DO LADO DOS BANDIDOS.JÁ AGORA DOS CORRUPTOS TAMBEM

  3. Rogério diz:

    Caiu-lhe a máscara que apresentava como “o presidente” pré eleito.
    Confrontado, encostou às baias enraiveceu-se e mostrou que era, um candidato a presidente da associação de comentadores.

  4. llopes49 diz:

    A coisa vai animando,não chegam as homilias dominicais.

  5. Presidenciais 2016. Sampaio da Novoa arrasou Marcelo.
    Marcelo Rebelo de Sousa é a versão moderna do seu padrinho Marcelo Caetano e ainda a fotocopia a cores de Cavaco. Será presidente se a esquerda cometer o erro de não se unir e se os candidatos do PC e do BE não desistirem a favor de Sampaio da Novoa. É claro que a boneca de loiça a Maria Ninguem, vai cumprir o calendário de ir até ao fim, porque o objetivo é atacar Costa. A piquena não tem altura nem esta a altura do lugar. “A candidatura de Maria de Belém foi propiciada, empurrada e desenvolvida pela coligação (PaF- PSD/CDS)”. José Pacheco Pereira na SIC Notícias. Aliás é mais um candidato da direita, como o é o Henrique Neto, que se esta a revelar o pulha ressabiado,frustrado, odiento e de mau carater, cujo objetivo parece ser a vingança ao PS e a Socrates por este não lhe ter ligado patavina. Vão no entanto enganar alguns socialistas e é esse o objetivo, dividir para reinar. Pelos comentários que se vêem por aí na Net fica claro quem apoia estes candidatos, pois a direita não se cansa de lhe tecer grande elogios, mas tenho a certeza que não lhe vão dar o seu voto. Por alguma razão três ex-presidentes já declararam apoio a Sampaio da Novoa. Para os que dizem que não tem experiência política esquecem que fez parte da Casa Civil de Jorge Sampaio.
    Um amigo meu costuma dizer, que seria uma pena se um Homem com a integridade, independência e isenção, que todos quantos com ele já trabalharam e conviveram, lhe reconhecem, não viesse a ser o próximo Presidente da República.
    Não seria ele, Sampaio da Nóvoa quem perderia, seríamos todos nós, cidadãos desejosos de ver consolidado o tempo novo, que virou as costas à austeridade. Resumindo:- Marcelo e um predador, Sampaio um herbivero. Votar em Marcelo e o mesmo que colocar a raposa a guardar as galinhas.
    Se vier a existir um idiota no poder e porque os que o elegeram estão bem representados.

    http://viriatoapedrada.blogspot.pt/2015/10/eleicoes-presidenciais-2016.html

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s