Variações em torno de um título

Governo tenta convencer patrões com benefício fiscal para “neutralizar” agravamento do ISP            (Público)

Centeno: Benefício fiscal vai neutralizar aumento do ISP para as empresas (DN)

No primeiro título, do Público, a expressão – tenta convencer … – não é evidentemente, neutra. Tem implícita a ideia de um esforço (do governo) para remediar algo que está “mal” ou “errado”, dando qualquer coisa em troca (convencer com...) para “convencer” os “patrões” visados pela “maldade”.

No segundo, do DN, a afirmação  – Centeno: Benefício fiscal vai neutralizar….  – embora surja sem aspas, a pontuação sugere que a frase é dita por Centeno. Porém, é preciso ler o texto para confirmar que o ministro usou aqueles precisos termos.

Os títulos são importantes?  São, porque se destinam a chamar a atenção do leitor para um determinado texto, orientando a sua leitura. No primeiro título, há uma sugestão negativa, de oposição entre “governo” e “patrões” – um tenta convencer os outros. No segundo, essa oposição não existe. O “governo” é substituído pelo “benefício fiscal” e os “patrões” são as “empresas”. Trata-se aqui de um título neutral.

Centeno foto

Ambos os títulos se reportam às palavras do ministro. O primeiro, coloca aspas na palavra neutralizar, sublinhando assim a sua importância na frase. Porém, a expressão tenta convencer, dada a sua subjectividade, torna o título menos rigoroso e confere-lhe um sentido negativo. O segundo, não obstante a ausência de aspas é um título factual e neutro.

 

Esta entrada foi publicada em Comunicação e Política, Economia, Governo, Jornalismo. ligação permanente.

3 respostas a Variações em torno de um título

  1. Rui Silva diz:

    Reblogged this on Farrusco and commented:
    Alguma imprensa que temos, umas vezes tendenciosa e outras ignorante.

  2. Rui Silva diz:

    É a imprensa que temos tendenciosa umas vezes e ignorante noutras.

  3. carlosalvares diz:

    Enquanto os meios de comunicação social do nosso País (com honrosas excepções), estiverem nas mãos dos que formaram a defunta e destruidora PaF/ Psd e Cds haverá notícias destas – sempre parciais, manhosamente disfarçadas. Carlos Patrício Álvares (Chaubet)

    No dia 9 de fevereiro de 2016 às 22:04, VAI E VEM escreveu:

    > estrelaserrano@gmail.com posted: ” Governo tenta convencer patrões com > benefício fiscal para “neutralizar” agravamento do ISP (Público) > Centeno: Benefício fiscal vai neutralizar aumento do ISP para as > empresas (DN) No primeiro título, do Público, a expressão – tenta co” >

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s