“Geringonça” é agora a ex-coligação PSD-CDS

Parlamento aprova orçamento 2016

A direita chamou-lhe “geringonça”, isto é, uma coisa desarticulada, incapaz de se “conjuntar”. Refere-se ao PCP e ao Bloco  com displicência e arrogância. As suas propostas são citadas depreciativamente como “exigências” ao governo e, se este as aceita por as considerar boas,  logo isso é visto como “cedências aos comunistas e aos bloquistas”.  Os acordos e as conversas entre o PS e os partidos à sua esquerda, são lidos como “um perigo” e uma “ameaça” à estabilidade e à confiança dos “mercados”.

Se o PCP ou o Bloco, ou ambos em conjunto, discordam e criticam alguma decisão do governo PS, logo a direita diz: a “geringonça” não dura nem um ano quanto mais uma legislatura”. Se o PCP e o Bloco  elogiam o orçamento ou o governo, isso significa para a direita que o PS se “radicalizou” e é um partido “extremista”.

Tem sido assim. Mas hoje a direita viu que afinal a solução política e de governo criada  pela esquerda parlamentar é coerente, original, organizada e leal. De “geringonça” não tem nada. “Geringonça” é agora a ex-coligação PSD-CDS…

Esta entrada foi publicada em Assembleia da República, Comunicação e Política, Governo. ligação permanente.

6 respostas a “Geringonça” é agora a ex-coligação PSD-CDS

  1. carlosalvares diz:

    Carlos Alvares 22:19 (Há 44 minutos) para Expresso As notícias deste género que o Expresso publica constantemente, depurada a habitual intenção alarmista e derrotista, tenho curiosidade em lê-las. Aliás como “quase”todos os órgãos de informação nacionais, nas mãos de saudosistas da (inspirada em Portas) “GERINGONÇA”-PSD/CDS.

    Carlos Patrício Álvares (Chaubet)

    No dia 24 de fevereiro de 2016 às 00:04, VAI E VEM escreveu:

    > estrelaserrano@gmail.com posted: ” A direita chamou-lhe “geringonça”, > isto é, uma coisa desarticulada, incapaz de se “conjuntar”. Refere-se ao > PCP e ao Bloco com displicência e arrogância. As suas propostas são > citadas depreciativamente como “exigências” ao governo e, se este as aceit” >

  2. llopes49 diz:

    O cujo que “inventou” o termo pindérico,pirou-se para a Colômbia,foi a banhos.

  3. Avelino Ferreira Familiar diz:

    Viu-se no debate do O.E. que a oposição à geringonça que pejorativamente gostam de frisar, mas na realidade, a forma de estar no debate foi um profundo desnorte, viu-se na linguagem e no modo gestual que a raiva era desenfreada .

  4. Bea diz:

    Eu gosto do modelo. Estou de bem com o resultado. E quero muito que funcione e continue funcionando. A direita só me interessa onde está: como força de oposição.

  5. Jaime Santos diz:

    Eu acho que a coligação de Governo deveria usar com orgulho o título depreciativo de ‘Geringonça’ que o Dr. Portas, que se acha muito inteligente e engraçado, lhe quis colar. O termos ‘Tory’ e ‘Whig’ também eram de carácter depreciativo no início. A coligação é algo ad-hoc, forçada pelo radicalismo PàF. Sucede que governa quem congrega uma maioria parlamentar, ouviu, Dr. Rangel?

  6. Rui Silva diz:

    Reblogged this on Farrusco and commented:
    A direita esta confusa, perdida e sem norte. Dizem hoje uma coisa e amanha o oposto tal é o desnorte por aquelas bandas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s