Arquivos Mensais: Junho 2015

Sócrates: porque lhe pedem para falar se não querem ouvi-lo?

São curiosas as reacções dos jornalistas  às intervenções públicas de José Sócrates, feitas a partir da prisão. Por um lado, enviam-lhe pedidos de entrevistas e  perguntas e esperam dias, semanas e meses até conseguirem que ele aceite. Depois, quando as … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Imprensa, Jornalismo, Justiça, Política, Sociologia dos Média | Etiquetas | 3 Comentários

Os gregos e os algozes

Em Novembro de 2011, o jornalista Paulo Moura traçava sobre a Grécia um quadro que lido hoje nos ajuda a compreender melhor porque razão o governo do Syriza não podia aceitar a imposição de mais austeridade como queriam os parceiros … Continuar a ler

Publicado em Política | Etiquetas , , , | 3 Comentários

O “sucesso” do resgate português é uma história de crianças

No momento em  que todos reconhecem que a Europa vive um momento histórico, correndo o risco de desmembramento com a possível saída da Grécia do euro, e quando está à vista o fracasso dos programas de resgate aplicados àquele País … Continuar a ler

Publicado em Economia, Governo, Política, Sociedade | Etiquetas | 2 Comentários

A receita europeia para a Grécia: humilhar para vencer

Os jornais disseram e as televisões mostraram a prova da tentativa indecorosa da humilhação da Grécia: “(…) Já com Tsipras na capital belga, onde ao longo de sete horas tentou ultrapassar as divergências, a contraproposta dos credores foi passada à … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Política | Etiquetas ,

Sobre os media e os poderes: fragmentos de um debate

Os media são um poder? Existe um poder mediático? Os media não são poder nem contrapoder. São metapoder. Um poder que interfere e perturba o funcionamento de outros poderes. Contudo, não sendo um poder, os media têm poder. Como se … Continuar a ler

Publicado em Economia, Jornalismo, Justiça, Política, Uncategorized | 3 Comentários

O segredo de justiça e a ironia do procurador

No Prós-e-Contras desta segunda-feira discutiu-se o “segredo de justiça. No palco, dois juízes, um procurador, dois advogados e um jornalista. Em Coimbra, o académico Costa Andrade participava à distância. Todos se pronunciaram contra as violações do segredo de justiça, embora … Continuar a ler

Publicado em Jornalismo, Justiça, Política, Televisão | Etiquetas | 8 Comentários

António Costa e os comentadores da direita

Anda por aí uma ideia muito popular no governo e nos comentadores de direita que procura extrair consequências eleitorais negativas para António Costa e para o PS  de um eventual Grexit (saída da Grécia do euro e/ou da UE). Dizem … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized | Etiquetas , , , | 4 Comentários

Nova lei da cobertura eleitoral feita a pensar em Portas

A nova lei da cobertura de campanhas eleitorais aprovada pelo PSD e pelo CDS com os votos contra da oposição, foi atamancada para obrigar os meios de comunicação social, em particular, as televisões, no período pré-eleitoral, a incluírem em entrevistas … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Jornalismo, Política, Sociologia dos Média, Televisão | Etiquetas

Isto é assustador!

“José Reis, juiz desembargador que votou contra a declaração de especial complexidade do processo Operação Marquês, garante, após analisar todo o processo e o que constava dos autos, que “em momento algum [quando foi detido], o recorrente [José Sócrates] foi … Continuar a ler

Publicado em Justiça | Etiquetas | 6 Comentários

Presidente de todos os portugueses?

O Presidente da República entrou decisivamente em campanha eleitoral pela coligação PSD-CDS. Na Bulgária e na Roménia, com os microfones dos repórteres que o seguem por perto, o Presidente vai  mandando  elogios ao governo para os jornais e os telejornais. … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Governo, Presidente da República, Sociedade | 2 Comentários

Sarkosy, Cristina de Bourbón e… José Sócrates: a justiça cá e lá

Uma cegueira ofuscante J.-M. Nobre-Correia “(…) será que a Justiça em Portugal é de uma extrema coragem e eficácia, e que nos nossos vizinhos mais próximos ela é tragicamente pusilânime e atrozmente deficiente ? Ou é que, comparada com a … Continuar a ler

Publicado em Justiça, Sociedade | 6 Comentários

As “ofertas” da operação Marquês

(Excerto do arrigo de António Luís Marinho, jornalista, RTP, publicado hoje no jornal i) O excerto refere-se à publicação na revista Sábado e no Correio da Manhã do interrogatório do procurador Rosário Teixeira a José Sócrates e levanta questões não … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Jornalismo, Justiça, Política | Etiquetas | 1 Comentário

Falando de justiça e de jornalismo, algumas conclusões sobre a cobertura do “caso Face Oculta”

A análise qualitativa e quantitativa das notícias publicadas no Diário de Notícias, Público, Correio da Manhã e Sol, sobre o “caso Face Oulta” publicadas no último trimestre de 2009, quando o caso foi divulgado, revela uma forte dependência dos jornalistas … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Imprensa, Jornalismo, Justiça, Sociologia dos Média | Etiquetas , | Publicar um comentário

Para uma teoria da fuga de informação em segredo de justiça

O processo Marquês entrou numa espiral de degradação de consequências ainda incalculáveis para a credibilidade da justiça, entre outras razões,  pelo modo como funciona: a morosidade das suas decisões, a falta de profissionalismo na comunicação dos seus actos e das … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Jornalismo, Justiça, Política, Sociedade, Sociologia dos Média | Etiquetas , | 4 Comentários

Sobre o novo programa de debate da RTP

O novo programa de debate  da RTP1 – “As palavras e os actos” – vai na terceira edição. Por enquanto, dos objectivos invocados pelo director de Informação, Paulo Dentinho, e pelo moderador, Carlos Daniel, só um foi plenamente atingido: como … Continuar a ler

Publicado em Jornalismo, Sociedade, Sociologia dos Média, Televisão | Etiquetas , | 6 Comentários

Sócrates: o preso igual aos outros que abre telejornais dias a fio

Ao recusar sair da cadeia em troca de uma prisão de pulseira no tornozelo, Sócrates fez o que devia fazer. Quem acredita que ele não é um corrupto não compreenderia que mostrasse submissão perante quem o prendeu mas ainda não … Continuar a ler

Publicado em Justiça, Televisão | Etiquetas | 3 Comentários

Quando a opinião se transforma em insulto

O artigo a que pertence este excerto tem como “gancho” o programa eleitoral da coligação mas depressa estende o tom de um indisfarçável e cínico desdém aos partidos em geral. Trata-se de um tipo de jornalismo de opinião, hoje muito … Continuar a ler

Publicado em Jornalismo, Sociologia dos Média | Etiquetas

Na FIFA como no BES o jornalismo especializado não cumpriu a sua missão

Vimos como no caso BES/GES o jornalismo económico não cumpriu eficazmente o seu papel de escrutínio do grupo financeiro mais poderoso do País. Também no caso FIFA o jornalismo desportivo falhou na desocultação dos escândalos financeiros que agora vieram e … Continuar a ler

Publicado em Economia, Futebol, Jornalismo | Etiquetas , | 1 Comentário

Rui Rio e os jornalistas, uma relação difícil

Em Dezembro de 2013 escrevi neste blog:”Rui Rio possui uma característica rara nos políticos, pelo menos em Portugal. Não procura agradar aos jornalistas, pelo contrário, critica-os aberta e directamente sempre que tem oportunidade de os apanhar pela frente. Parece até … Continuar a ler

Publicado em Comunicação e Política, Jornalismo, Presidenciais, Sociologia dos Média | Etiquetas , | 1 Comentário

Os maniqueistas do jornalismo e do comentarismo nacional

Há em Portugal um certo jornalismo e um certo comentarismo que tem da relação entre política e justiça uma visão maniqueísta:  num dos lados – o da justiça – só há bons; no outro – o da política – só … Continuar a ler

Publicado em Jornalismo, Justiça, Política, Sociologia dos Média